gtag("config", "AW-798329363");
Alameda dos Maracatins, 426 cj 804 - Moema - São Paulo - SP -
Agende sua consulta - 11945990836

11 3582-8948

11945990836

Alameda dos Maracatins, 426 cj 804 - Moema - São Paulo - SP -

Endometriose: nível da minha dor

endometriose nivel da dor.png
Quando você pensa na sua dor, que nota você dá pra ela? É importante numerar a sua dor! 

Faça uma retrospectiva, lembre-se de quando começou a menstruar ... se essa dor era um nível 2, por exemplo, e foi progressivamente aumentando... então, de um nível 2 passou para o 4 e agora já está no 8, ou seja, você chega a vomitar por causa de tanta dor, precisa buscar ajuda de emergência no hospital ou toma muita medicação. E se neste momento, seu objetivo não é engravidar e sim ter qualidade de vida, há dois caminhos:

1º- Tratamento clínico através de bloqueio menstrual ? geralmente, essa opção é aquelas pacientes que não têm lesão em órgão alvo ? que não necessitam exclusivamente de cirurgia. Pílulas anticoncepcionais e DIU que liberam hormônios poderão ser indicados.  

2 º Tratamento cirúrgico por videolaparoscopia - indicado para as mulheres que apresentam lesão em órgãos alvos ? lesão em apêndice, intestino, ureter, se a paciente tem cisto de endometriose acima de 4cm (endometrioma). 
Independente da opção de tratamento (clínico ou cirúrgico) a portadora de endometriose DEVE mudar o seu estilo de vida!!! 


Confira alguns hábitos que ajudam na busca de qualidade de vida:
- Mantenha uma dieta equilibrada, reduzindo o consumo de carnes gordurosas, embutidos e congelados. Além de aumentar o consumo de ômega 3, presente nos peixes, abacate, castanhas, óleo de azeite extra virgem, sementes, entre outros;
- Faça exercícios aeróbicos regularmente;
- Busque tratamentos complementares que melhoram a dor, como: acupuntura, osteopatia, meditação, medicações naturais (por exemplo: resveratrol). 

Sempre depois do seu diagnóstico, é importante refletir se você quer engravidar ou ter qualidade de vida. Somente assim será possível decidir juntamente com seu médico e seu parceiro qual a melhor solução.  #gracielamorgado #saúdedamulher #saúde #endometriose
« Voltar
A endometriose existe e deve ser tratada com cuidado e respeito Valorize a sua dor, isso não é psicológico!